Cartaz

GRANULAÇÃO DA ESCÓRIA DE ALTO FORNO

O manuseio da escória constitui um aspecto importante da operação de altos-fornos modernos. Hoje, a escória de alto-forno é um produto vendável (escória granulada é utilizada como um substituto do clínquer na produção de cimento, com menos emissão de CO2), e não um resíduo problemático e dispendioso. A Paul Wurth desenvolveu o processo INBA® de granulação de escória, incorporando nosso tambor de desaguamento dinâmico INBA® proprietário. Com cerca de 230 referências, é hoje, no mundo, o meio mais conhecido e eficaz de processar escória de alto-forno. O processo é altamente flexível; e a subplanta compacta pode ser instalada em qualquer configuração de forno. A granulação, o desaguamento e o armazenamento da escória podem ser feitos nas adjacências do forno, ou podem ser separadas para adequar-se ao espaço disponível da planta ou à logística. Modernos conceitos de condensação e circuitos de água de malha fechada garantem o controle ambiental efetivo. O INBA com condensação de vapor é hoje oficialmente reconhecido como a Melhor Tecnologia Disponível (BAT – Best Technology Available)

Benefícios ao Cliente:

  • Projeto muito compacto, visando a máxima flexibilidade no layout;
  • Filtragem e descarga contínuas da escória granulada desidratada;
  • Baixo teor de finos no circuito de água em malha fechada;
  • Alta confiabilidade;
  • Medição da vazão da escória;
  • Emissões reduzidas e controle da poluição do ar;
  • Baixos custos de investimento, operação e manutenção;
  • Baixo índice de desgaste no corpo do tambor.
Granulação da Escória de Alto Forno